Contra a intervenção no Colégio Pedro II e a favor da liberdade de pensamento nas escolas

Waldeck Carneiro*

IMG_0298

Na esteira da intervenção federal militar no Rio de Janeiro, que é uma pirotecnia e uma tentativa do golpista Michel Temer angariar alguma popularidade e salvar a pele de seu partido, o MDB, um dos grandes responsáveis pela crise do Estado do Rio de Janeiro, é importante nos posicionarmos contra a intervenção do Ministério da Educação no Colégio Pedro II, proposta por um deputado federal fascista.

O Colégio Pedro II é o educandário mais tradicional da rede pública brasileira e uma escola de referência, de tradição crítica e libertária, uma das principais referências pedagógicas para todos os profissionais no campo da educação no Brasil. Sob o argumento fascistoide de querer banir o pensamento crítico do ambiente escolar, na linha do movimento Escola Sem Partido, que no fundo é a linha da “escola de um só partido”, ou escola de um pensamento único, reacionário, conservador, lastreado no ódio e na intolerância.

Urge manifestar irrestrita solidariedade à comunidade acadêmica do Colégio Pedro II, estudantes, professores, servidores técnico-administrativos, o reitor Oscar Halac e sua equipe, porque é muito importante enfrentar essa tentativa de amordaçamento da escola, de banimento do pensamento crítico do ambiente escolar em todo País, que se faz agora nessa tentativa grotesca de interdição do Colégio Pedro II. Nosso mandato está nessa luta, viva a liberdade de pensamento na escola brasileira e abaixo o fascismo!

*Waldeck Carneiro é professor da UFF e deputado estadual (PT-RJ).

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s